Notícias

16/10/2019 - CENTRAIS CONVOCAM MOBILIZAÇÃO EM DEFESA DOS DIREITOS SOCIAIS E DAS ENTIDADES SINDICAIS

  • As centrais sindicais CTB, Nova Central e CSB convocaram para o dia 4 de novembro em São Paulo um ato em defesa dos direitos dos trabalhadores e das entidades sindicais, sob ataque do governo Bolsonaro.

    As lideranças das centrais sindicais CTB, Nova Central e CSB decidiram organizar no dia 4 de novembro um ato nacional em defesa dos direitos sociais e das próprias entidades sindicais.

    Os organizadores do ato vão elaborar conjuntamente uma nova proposta de Reforma Sindical preservando a Unicidade Sindical e o Sistema Confederativo consagrados no Artigo 8º da Constituição, considerados como pilares fundamentais da organização sindical brasileira.

    Os sindicalistas assumiram compromisso de realizar ações unificadas e ampla articulação política para que o projeto ganhe peso frente a outras propostas sobre o tema e contam com a participação de outras entidades ligadas a demais centrais sindicais (saiba mais).

     Ato do dia 04/11:

    Nome: ATO NACIONAL EM DEFESA DOS DIREITOS, DAS ENTIDADES SINDICAIS E DA JUSTIÇA DO TRABALHO

    Local: Sindicato dos Metroviários de SP (localizado no Bairro do Tatuapé), das 09 às 13h00.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Dieese listou 12 pontos que mostram que programa tem potencial para aumentar desemprego e precarização. A análise é de nota técnica do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômic...
Maior mudança nas leis trabalhistas desde a criação da CLT (Consolidação das Leis do Trabalho), em 1943, a reforma trabalhista completa dois anos de vigência nesta segunda-feira (11/11) sem cumprir su...
TRT1 DETERMINA QUE PETROBRÁS INDENIZE EM R$ 500 MIL TRABALHADORES DA DOCUMENTAR   A empresa Documentar Tecnologia que prestava serviços à Petrobras encerrou suas atividades em 2015 e não pagou as...
Os empregados da Accenture do Brasil aprovaram em assembléia a proposta de acordo coletivo de trabalho que tem validade até agosto de 2020.  Empregados da Accenture atentos às explicações da dire...
Com a presença 54 trabalhadores do grupo GNA Gás Natural Açu foi aprovado por unanimidade o Acordo Coletivo de Trabalho 2019/2020. Conduziram a assembléia a Diretora do SINDAUT, Maria Alves e o A...